sábado, 4 de fevereiro de 2017

O Hobbit - Lá e de volta outra vez



Depois de mais um longo período sem postar nada, volto com uma resenha de um grande clássico da literatura fantástica: o livro O Hobbit de J.R.R. Tolkien. Como sempre evitei os spoilers mas pode ser que algum tenha escapado.


Páginas: 328
Ano: 2013
Autor: J.R.R. Tolkien
Editora: WMF Martins Fontes

SINOPSE

Bilbo Bolseiro é um hobbit que leva uma vida confortável e sem ambições. Mas seu contentamento é perturbado quando Gandalf, o mago, e uma companhia de anões batem à sua porta e levam-no para uma expedição. Eles têm um plano para roubar o tesouro guardado por Smaug, o Magnífico, um grande e perigoso dragão. Bilbo reluta muito em participar da aventura, mas acaba surpreendendo até a si mesmo com sua esperteza e sua habilidade como ladrão!





O Hobbit é uma história de fantasia medieval que narra à jornada de Bilbo Bolseiro, onde junto com uma comitiva de Anões, eles devem atravessar a Terra Media, chegar a Montanha Solitária e roubar o tesouro de um dragão. Nessa jornada nem todos irão sobreviver, mas os que sobreviverem, não serão mais os mesmos de antes.



               Gandalf: Você terá uma história e tanto para contar quando voltar.
               Bilbo: Você pode me prometer que eu vou voltar?
               Gandalf: Não. Mas se você voltar não será mais o mesmo

                               O Hobbit: Uma jornada inesperada – é do filme mas descreve bem




Bilbo Bolseiro era um hobbit pacato que vivia tranquilamente em sua toca na vila dos hobbits. Assim como a grande maioria dos hobbits, Bilbo não tinha nenhum desejo, além de viver tranquilamente com boa música, um bom livro e principalmente boa comida. Os Bolseiros eram muito respeitados pelos outros hobbits, pois além de serem de modo geral ricos, os Bolseiros nunca haviam se metido em alguma aventura ou coisa do tipo.

Mas em um belo dia Gandalf, O cinzento aparece em sua porta, acompanhado de treze anões, e o convida para uma aventura que vai mudar totalmente a sua vida. Após uma resistência inicial, seu lado aventureiro fala mais forte e ele se une ao grupo de Thorin Escudo de Carvalho, se tornando o ladrão da comitiva. 



A missão do grupo é viajar até o antigo reino Anão de Erebor, onde vive Smaug, um terrível dragão vermelho onde Bilbo, o ladrão, deve encontrar alguma forma de roubar o tesouro guardado pelo dragão. Mas antes de chegar a Erebor eles terão que sobreviver a uma região onde há poucas comunidades amigáveis e muitos Orcs, Wargs e outras criaturas malignas.



O Hobbit é uma obra prima de J.R.R.Tolkien. É escrita de forma leve e simples, já que diferentemente de O Senhor dos Anéis, a obra tem como alvo um público mais jovem, no caso os filhos dele. Mas ainda assim a momentos em que a descrição é um pouco maçante, mas é somente no começo do livro, quando ainda nos é apresentado os personagens da história. Mas depois desse começo um pouco enrolado a história embala e vai envolvendo o leitor cada vez mais.

Assim como nos outros livros do Tolkien os personagens, são muito bem desenvolvidos e despertam emoções no leitor além de serem todos muito complexos e humanos, com suas qualidades e defeitos.

De modo geral O Hobbit é uma história envolvente e empolgante, uma história cheia de aventura e suspense, onde os personagens se desenvolvem e conforme as coisas acontecem os personagens vão se transformando, evoluindo. Enfim é um livro que vale a pena ser lido por todos.

Após muito tempo sem postar no nosso "Clube do Livro", voltaremos a publicar nossas resenhas e (re)começaremos com o livro O Aprendiz de Taran Matharu, indicado pela Vanessa do Insights Aleatórios.